terça-feira, 19 de agosto de 2008

É Doce Morrer no Mar...

"Uma incelença entrou no paraíso
Adeus, irmão, adeus..."

Morreu o Dorival.
O Dorival do mar, o Dorival do samba.
O Dorival da jangada, o Dorival de Itapoã.
O Dorival da Dora, o Dorival da Maricotinha.
O Dorival da Anália, o Dorival da Marina, o Dorival da morena.
O Dorival da rosa, o Dorival da nega, o Dorival da morte.
O Dorival louco, o Dorival negro, o Dorival milagreiro.
O Dorival dos pescadores, o Dorival das sereias, o Dorival das viúvas.
O Dorival da jangada, o Dorival dos valentões, o Dorival do adeus.
O Dorival do samba, o Dorival de Maracangalha.
O Dorival da baiana, o Dorival da Bahia.
O Dorival do Brasil.

Morreu Dorival Caymmi.

O sujeito que, quem não conhece,
Ou é muito ruim da cabeça,
Ou é bem doente do pé.

5 comentários:

Renatinha disse...

Quem não encontrar nesse texto algo que o faça pensar "Ei... eu conheço isso", mesmo sem saber que era dele isso...
Concordo...
ruim da cabeça ou doente do pé.

Mary West disse...

Dona morte tá doida esse ano. Fujam p/ as montanhas que Zagallo deve ser proximo.

Vitinho disse...

irretocável, Branca.

Douglas Funny disse...

q Deus o tenha...

e q se faça samba, pq lá só tem gente bamba...

matheuss disse...

o novo cd do mop é megamassa b.
tu precisa mesmo fazer um post dele.
valeu por me lembrar desse cd, baixei, mas vou comprar. (ouvindo agora, eu avisei)